Ansel Elgort usou suas redes sociais para responder às acusações de que ele teria abusado sexualmente de uma garota de 17 anos em 2014, quando ele tinha 20 anos.

“Eu fiquei perturbado ao ver os posts circulando nas últimas 24 horas. Não posso dizer que entendo os sentimentos que Gabby tem, mas a sua descrição do que aconteceu simplesmente não foi o que aconteceu”, disse o ator, ao negar que cometeu o crime. Na sexta-feira, ela usou o Twitter para fazer um longo relato e explicar todo o trauma que o episódio trouxe para sua vida.

Ansel, que estará no remake de “Amor, Sublime Amor”, continuou em seu texto: “Eu nunca abusei e nunca abusarei de ninguém. O que é verdade é que em Nova York, em 2014, quando eu tinha 20 anos, Gabby e eu tivemos um breve, legal e completamente consensual relacionamento. Infelizmente, eu não lidei bem com o término. Parei de responder para ela, o que é algo imaturo e cruel de se fazer.”

O ator chegou a se desculpar: “Eu sei que esse pedido de desculpas tardio não resolve meu comportamento inaceitável de desaparecer. Quando olho para o passado, fico enojado e envergonhado com a minha atitude. Realmente sinto muito. Eu preciso continuar a refletir, aprender e trabalhar para ser mais empático.”