O Facebook anunciou que suspendeu um dos maiores grupos anti-máscara nos EUA, justificando a decisão com o fato deste grupo espalhar desinformação sobre a Covid-19, informou o The Verge.

O grupo em questão – de nome Unmasking America – tinha mais de 9.600 membros na ocasião da suspensão e acreditava que a máscara era uma forma de “repressão, esclavagismo e obediência cognitiva”.

O Facebook tem procurado atuar na área da desinformação da Covid-19, estreando recentemente uma área destinada a reunir fatos comprovados sobre a doença.