SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A ativista Luísa Mell, 41, publicou na noite desta segunda-feira (20) uma crítica à atriz Claudia Ohana, 57, acusada pela ONG Toca do Bicho de ter devolvido dois cachorros que ela adotou.

“Infelizmente, este caso não é único. Só neste ano, 50 animais foram devolvidos para o Instituto Luisa Mell. ‘Ele cresceu muito’, ‘ele destruiu muitas coisas’, ‘ meu novo namorado não gosta de cães’, ‘eu estou sem tempo’ são algumas das desculpas que tenho o desprazer de escutar”, escreveu Mell em um longo texto, publicado e seu perfil no Instagram.

Ela também afirmou que os animais sofrem com o abandono, e que essa dor não é comparável à de ter uma casa destruída por um animal. “Alguns [animais] choram dia e noite sem parar. Alguns adoecem de tanta tristeza. Muitos, que são adotados filhotes e devolvidos adultos, nunca mais têm uma nova chance”.

Ohana nega que tenha abandonado os animais, e disse estar chateada com a ONG, já que teria deixado os cães lá apenas para o período da pandemia, alegando que os buscaria após o isolamento social. “Eu tenho muita saudade dos meus cachorros, eu não abandonei eles. Ela [a ONG] falou que ia me ajudar.”

ENTENDA O CASO

Claudia Ohana causou revolta entre os amantes dos animais ao devolver dois cachorros, Thor e Tigrão, que ela havia adotado na ONG Projeto Toca Do Bicho no ano passado.

Tudo começou quando a entidade publicou em sua conta no Instagram que os animaizinhos haviam sido devolvidos após 5 meses de adoção. Nas postagens, voluntários afirmam que os dois estão “muito deprimidos” e fizeram textos com os cachorros como narradores.

“Não me sai da cabeça porque mamãe nos devolveu”, diz um trecho. “Ela dizia que não obedecíamos, que destruímos coisas, mas não teve paciência com a gente. As tias da Toca orientaram em tudo, ofereceram adestrador, mas mamãe fez tudo errado. E pior, no final, nos devolveu! Sequer ligou para saber como estávamos desde que saímos da casa dela. Acreditam? E aquelas fotos que tirava e postava? Seriam encenação? Nos adotou bebês e agora que crescemos, quem vai nos adotar juntos? Vamos sofrer de novo a dor da separação.”

Na noite da última sexta (17), a informação de que os cachorros tinham sido devolvidos por Claudia Ohana surgiu na internet e começou a pipocar comentários sobre o assunto, quase todos desfavoráveis à atriz.

Depois disso, ela se pronunciou em suas redes sociais dizendo que havia deixado Thor e Tigrão na ONG porque estava sozinha durante a pandemia e não estava conseguindo cuidar deles por que estava com muitas dores nas costas. Ela também disse que pretendia pegá-los de volta no final da quarentena.

“Fiquei muito chateada com a ONG Toca do Bicho”, afirmou. “Eu adotei eles pouco tempo antes da pandemia e aí veio a pandemia e eu fiquei sozinha em casa. Aguentei 3 meses de limpar tudo, eles foram destruindo… normal, cachorros pequenos. E não tava aguentando minhas costas, eu dei um jeito nas costas.”

Claudia afirmou que a devolução tinha sido combinada com a ONG. “Eles iam para a casa dos meus primos, que é praticamente meu irmão, e o pessoal da Toca do Bicho não deixou eu mandar”, relatou. “Aí eles falaram que tudo bem, que eles poderiam ficar lá um tempo e que depois eles voltariam para cá. E aí eles fazem isso: botam para adotar os meus cachorros e ainda fazem publicidade em cima disso. Eu tenho muita saudade dos meus cachorros, eu não abandonei eles. Ela falou que ia me ajudar”. Atacada novamente, ela apagou a publicação.

A ONG se defendeu dizendo que não fez sensacionalismo em cima do assunto. “Fazemos um trabalho sério na ONG, tanto que não citamos nome do tutor que os devolveu nas postagens”, disse em nova publicação. “Só que todo animal que é devolvido a gente posta para que tenha nova chance de adoção.”

“Não fizemos nada demais em relatar o fato, porque visamos o bem-estar dos animais”, afirmam. “Demoramos até na divulgação porque tínhamos esperança que o adotante nos procurasse, sentindo a falta deles. Mas em mais de 1 mês no abrigo, a pessoa sequer mandou um zap, ligou ou procurou saber se precisavam de algo. Isso era amor? Você agiria assim com seus filhos que dizia amar?”

Mais tarde, a ONG fez uma nova publicação “diante das inverdades postadas pela atriz Claudia Ohana” e publicou fotos e áudios enviados pela atriz falando sobre a devolução dos animais. “Tirem as próprias conclusões”, pediu.