É claro que as opiniões que temos acerca da leitura de um livro é algo extremamente pessoal, afinal, a vivência de cada um interfere muito nas perspectivas e conclusões que tiramos de uma obra. Entretanto, alguns livros são considerados clássicos, isso, de acordo com Frederico Gayer Machado de Araujo, se deve pela carga literária que a obra possui, ou seja, trazendo consigo sua particularidade, refletindo os valores do seu tempo e sendo, simultaneamente, atemporal.

Frederico Gayer Machado de Araujo, grande amante da literatura, revelou hoje alguns desses clássicos que todos os leitores em busca de histórias marcantes devem ler, veja:

A Revolução dos Bichos

A obra de George Orwell, segundo Frederico Gayer Machado de Araujo, é um livro lançado em 1945 que carrega uma crítica assustadoramente atual sobre o poder. A história na verdade é uma fábula contada em pouco mais de 100 páginas que traz uma reflexão extremamente importante sobre os dias atuais.

Orgulho e Preconceito

Frederico Gayer Machado de Araujo revela que a aclamada obra de Jane Austen é um marco para a literatura. Publicado em 1813, o enredo conta a história de Elizabeth Bennet e Sr. Darcy que vai muito além de um típico romance. Com muita crítica a elite britânica da época, a história apresenta personagens sagazes e diálogos riquíssimos.

O Grande Gatsby

O livro, de acordo com Frederico Gayer Machado de Araujo, foi publicado no ano de 1925. É voltado para a Era do jazz (anos que sucederam a Primeira Guerra Mundial). F. Scott Fitzgerald conquistou seu título, considerado um dos melhores escritores de seu tempo, apresentando a história de Gatsby e trazendo várias críticas à sociedade americana com uma história leve e bela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui