A atriz Esmé Bianco, que interpretou a personagem Ros no seriado “Game Of Thrones”, está processando o cantor Marilyn Manson por estupro e tortura. Bianco diz que o cantor a drogou, a estuprou e a agrediu com um chicote que, segundo ele, teria sido utilizado por soldados nazistas. O site americano TMZ e outros veículos conseguiram acesso a documentos do processo nesta sexta-feira, 30, nos quais a atriz diz que as agressões e estupros começaram quando ela foi gravar o clipe de “I Want to Kill You Like They Do in the Movies”, música do cantor. Na ocasião, Manson teria agredido ela por quatro dias seguidos. Em outro momento, Bianco diz que foi levada para os Estados Unidos para gravar um filme de terror que nunca foi finalizado e foi estuprada novamente por Manson.

No processo, Bianco descreve que as agressões incluíam golpes, mordidas, cortes e chicotadas feitas sem seu consentimento. Tony Ciulla, ex-empresário de Manson, também é acusado no processo por tráfico de pessoas, por conta da viagem para a gravação nos EUA. No começo deste ano, diversas mulheres disseram ter sido vítima de violência sexual cometida por Manson, sendo que o caso de Bianco foi o primeiro a entrar na Justiça. Em fevereiro, o cantor disse que seus relacionamentos foram consensuais e negou as acusações. Ele também é investigado pela polícia de Los Angeles pela acusação de abuso contra a atriz Evan Rachel Wood, sua ex-namorada. As acusações fizeram com que Manson perdesse seu contrato com a Loma Vista Records em fevereiro.